sábado, janeiro 10, 2015

É mais fácil destruir a construir.

Impressionante!... Dois anos e meio depois de momentos maravilhosos... Experiências inéditas... E viagens cinematográficas... Sabe o que restou?

Destruição. Raiva. Ódio. Pó...

Sempre ouvi e nunca acreditei. Destruir é mais fácil que construir.

Não, não é um simples cálculo matemático, digo isso aos engenheiros. Sentimentos não são medidos. Mas construir um sentimento e destruir outro, sim. Medido por tempo e intensidade.

Quase irreal é a experiência de tentar buscar tantos momentos bons vividos juntos, quando um final, devastador, coloca uma história totalmente ao chão.

Não há lembrança que possa salvar. Foto,vídeo ou áudio. Nessa hora, amnésia...

Triste é a realidade. Mas, enfim, realidade.

Nenhum comentário: