segunda-feira, abril 24, 2006

Tem que saber filtrar!

Olá! Fala. Blz?
Muitas pessoas estão lendo meu blog. Isso me deixa feliz!
Receber críticas e sugestões tem sido bom. A cada dia que recebo um recado novo... Puxa mais uma pessoa está lendo... Isso me alimenta! Preciso escrever mais. Mais. Quero mais.
Cuidado! Tem que saber filtrar! As pessoas sabem quando recebo uma crítica de braços abertos. Sei que elas querem que eu melhore. Melhorar é preciso. Melhorar eu preciso!
Que o diga nossa língua portuguesa. Como é difícil saber português!
Existem comentários maldosos. Tem que saber filtrar! Inimigos são estimulantes. Nos fazem crescer. Não sei se tenho inimigos. Não conheço meus inimigos. Imagino…
Hoje, eu escrevo porque gosto. Ainda tenho vergonha. Tenho vergonha de contar casos. Ainda tenho medo. Tenho medo de citar nomes. Tenho medo de errar… Vou acabar errando… MERDA!
Quero falar de você. Quero falar para você. Você vai entender? Vai entender certo? O que é certo? Vai entender o que eu quero? Quem me dera! Talvez…
Já me avisaram: "Acho que você não deveria citar os nomes das pessoas. Nem o seu. Não se exponha. Preserve sua intimidade”. Boa dica!
Mas tem dia que preciso falar. Acho bom falar nomes. Outros dias não. Preciso dar os créditos a quem merece. Vou dar os créditos a quem os merece!
Se não falar seu nome, não se preocupe. Estarei imaginando você lendo este texto. Você vai saber que é para você. Ou de você. Não vai?
Quando eu escrever e utilizar pseudônimos, relaxe. Pode não ser pra você. Mesmo que a carapuça servir, pode não ser para ninguém. Coincidência! Se quiser acreditar em mim, ótimo. Se não, sorry!
Vou continuar escrevendo. Com nomes. Com sobrenomes. Apelidos e pseudônimos. Vou escrever de mim. Vou escrever de você. Não se ofenda. Não quero o mal pra ninguém.
Tem que saber filtrar! Eu, tu, eles…

4 comentários:

Anônimo disse...

OK, concordo que devemos falar quando temos vontade.
Mas, quando se trata de um assunto íntimo, também acho que se deva ser mais reservado (evitar nomes de pessoas e lugares), até para sua prórpia segurança. Esse mundo tá muito doido...
Outra coisa, quando se quer falar algo para alguém, a melhor forma é fazer isso diretamente, e não através do blog...
Conhece aquele ditado: "O que não é bem dito, fica mal dito"? Já aconteceu comigo várias vezes...
PS-Bom exemplo para a aplicação do bem e mal, né?

Cristiano Vieira disse...

Rs... Muito bom exemplo!
Obrigado pela sua constante leitura dos textos. Agradeço mais ainda pela ajuda, dicas e opiniões relatadas aqui. Bom, só pra clarear, quando o assunto e as pessoas envolvidas são importantes, eu mesmo corro atrás e falo o que acho, resolvo. Quando não tenho intimidade, espero que a pessoa fale comigo. E resolvo. Nos textos, procuro não emitir qualquer juízo de valor. Antes de me preservar, preservo todos ao meu redor. E como está no texto não tenho a menor intenção de ferir ninguém. Se alguém se sentiu mal, deixo aqui minhas desculpas. Não foi essa a intenção. Mais uma vez. Obrigado e continue me visitando.

O Ogro Diante Do Espelho disse...

HAHAHAH e pensar que eu fui um dos responsaveis por isso! que legal! eu tenhoe scrito cada vez menos... é que as coisas tão entrando nos eixos aos poucos. relaxa com a formula. seja mais convicto. qualquer coisa, dá o grito que o Ogro aparece pra ajudar!

Cristiano Vieira disse...

Obrigado Mestre!